Sonhos de perseguição

livro guerra m

São frequentes os sonhos de perseguição.

Se alguém me persegue, isso é um sinal de que não estou a aceitar alguma coisa que está dentro se mim. O perseguidor é a minha própria sombra.

Pode ser uma pessoa, uma personagem obscura que evoca o meu lado sombrio.

Um inimigo, que me faz sentir que estou em luta comigo próprio.

Ou um animal, que indica os meus recalcamentos.

Um leão que me persegue indica a agressividade que existe em mim e que eu não quero reconhecer, mas também pode indicar uma força positiva que eu recuso.

Uma serpente pode sugerir um instinto sexual não controlado.

É sempre bom associar o símbolo do sonho com aquilo que me vem de imediato à mente, com aquilo que esse símbolo me faz lembrar.

A atitude correta perante os sonhos de perseguição seria continuar a meditar sobre o sonho e imaginar que, em vez de fugir, me volto, e olho calma e amigavelmente para o meu perseguidor, tentando compreender que parte do meu inconsciente é que ele representa.

É importante saber olhar para ele como para um espelho, onde posso ver-me refletido, e assim reconciliar-me com essa parte alienada de mim próprio.

Deste modo, a sombra recalcada pode tornar-se mais consciente e voltar a fazer parte de mim.

Os sonhos de guerra vão no mesmo sentido: revelam que me estou em guerra comigo, que combato um inimigo interior, ou que me encontro prisioneiro de mim próprio.

Este tipo de sonhos designa uma cisão interior que preciso de reconhecer para a superar.

Anselm Grün

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s